Matéria publicada em 18/01/2016 às 01:57:47

Fonte: assessoria

Candeias do Jamari: Polícia Civil e Militar realizam operação na zona rural

 

Nesta sexta-feira (15/01) Polícia Civil e Militar realizaram operação policial na zona rural do município de Candeias do Jamari.

A operação foi comandada pelo Delegado Paulo Kakiones e 1º Tenente Jairo, comandante do pelotão de Candeias de Jamari, com apoio da Força Tática do 5º BPM e duas guarnições do Choque COE, e ensejou na prisão de quatros pessoas, entre elas um foragido da justiça, cujos fatos foram registrados no BO 331/2016-PP.

Os policiais receberam várias denúncias, que homens estavam armados ameaçando os moradores daquela localidade. Mediante tal situação, foi organizada uma ação policial que obteve sucesso em localizar e prender os acusados, Gidevaldo José da Silva, 62 anos, Gleisson Barbosa da Silva, 24, Edson Barbosa da Silva, 21 anos e Vanderlei Nogueira, 55 anos.

Em poder dos suspeitos foram apreendidos cinco espingardas, sendo, duas espingardas calibre 28, uma espingarda calibre 36, duas espingardas calibre 32, vinte e três cartuchos intactos calibre 32, um cartucho calibre 28, três cartuchos calibre 36, lata com espoletas, um pote com chumbo em grãos, um pote com pólvora, um canivete e dois facões.

Ao serem questionados os suspeitos disseram que estavam no local há poucos dias, tendo em vista que suas propriedades estavam ocupadas por invasores e que a justiça havia concedido à posse, sendo reintegrado no dia 11/01/2016. Os suspeitos informaram não ter ciência da denúncia contra eles, porém ao serem questionados pelas armas apreendidas, nenhum deles assumiu a propriedade das armas de fogo.

Durante pesquisa, foi constatado que em desfavor de Vanderlei Nogueira, havia um mandado de prisão em aberto, expedido pela 2º Vara Criminal da Comarca de Ariquemes. O quarteto recebeu voz de prisão e foram encaminhados até a Central de Flagrantes.

Nos interrogatórios os suspeitos entraram em contradição sobre diversos itens, restando provado de imediato a posse das armas de fogo, que estavam ao acesso de todos, assim como a associação criminosa, visto que entre eles havia unidade de desígnios para a consecução de crimes, sendo autuados em flagrante e cumprido o mandado de prisão que estava em aberto.

A investigação também prosseguirá para a apuração em relação a outros possíveis delitos de esbulho possessório, ameaça, constrangimento ilegal, danos, furto de gado, dentre outros.

Comente Pelo Facebook

 

ÚTLIMAS NOTÍCIAS

05/09/2018 • PROTESTO: Entenda a crise dos caminhoneiros 05/09/2018 • ROUBADA: Adolescente flagrado com moto de sargento da PM diz que comprou por R$ 300 05/09/2018 • CRIME: Criança de 4 anos entrega os próprios pais e casal é preso por tráfico de drogas 05/09/2018 • FERIADO: PRF inicia "Operação Independência 2018" nesta quinta 05/09/2018 • Rondônia não alcança nota estipulada para ensino médio no Ideb, mas fica acima da média nacional 31/08/2018 • Confira como foram os programas dos candidatos ao Governo no primeiro dia 03/08/2018 • ACIA incentiva campanha de doação de sangue 03/08/2018 • ATESTADO 'FANTA': Câmara Municipal de PVH por duas vezes aceita documentos irregulares em licitação 03/08/2018 • PÂNICO: Criminoso armado invade posto de saúde e faz arrastão na zona Sul 03/08/2018 • Prefeitura de Jaru abre trecho de rua e garante acessibilidade a moradores depois de mais de 20 anos de espera

©Copyright 2014 - Todos direitos reservados a Reporternoticia.com.br

Netmidia - Soluções Digitais